História da JCI Brasil-Japão

O Início

A Câmara Júnior Brasil-Japão  (atual JCI Brasil-Japão) foi fundada em 24 de junho de 1.982, por iniciativa da Câmara de Comércio e Indústria Japonesa no Brasil como consequência da visita do então Presidente Mundial da Câmara Júnior Internacional, Gary Nagao.

Os objetivos da Câmara Júnior Brasil-Japão eram de desenvolvimento da capacidade de liderança dos jovens, e complementavam as atividades empresariais da Câmara de Comércio.

Nesta época, as empresas japonesas estavam bastante atuantes no Brasil e havia um grande número de executivos japoneses não residentes que trabalhavam nestas empresas. O início das atividades da Câmara Júnior Brasil-Japão foi marcada com a presença maciça de japoneses expatriados que promoviam eventos relacionados a aspectos da cultura e economia brasileira.

Fatos interessantes

  • As reuniões da Câmara Júnior Brasil-Japão eram realizadas em japonês até 1987.
  • Ernesto Sunago foi o primeiro presidente nissei, em 1985.
  • A primeira participação em Convenção Nacional foi em Caxias do Sul – RS em 1988.
  • Marisa Shirasuna foi a primeira presidenta, em 1994.
  • Nas gestões de Minoru Sado e Milton Yuki, em 1988 e 1989, a Câmara Júnior teve o maior número de membros: 890.
  • Ciro Saito – membro ativo mais antigo.

Mais de 50 membros júniores ativos

Apoio de entidades como Consulado do Japão em São Paulo e Câmara de comércio e indústria japonesa

Parceria com faculdades renomadas como  FECAP e FEI

Atuação ativa nas atividades da comunidade japonesa

Saiba mais sobre a história da JCI

Assista ao vídeo JCI Impact em português: